.Março 2005

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Parabéns a Você...Hoje é ...

. Um Homem também Chora...

. Ele anda por aí

. Arte Popular ou nem por i...

. 17 anos depois...

. E começou a Campanha...

. "Não Exite!!!!"

. Sondagem pós-debate

. Anda cá ao pai!

. Boatos...

.links

.arquivos

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds

Quinta-feira, 3 de Fevereiro de 2005

Anda cá ao pai!

Toda a gente que lê o blog sabe (ou pelo menos devia saber) que os autores são completamente fanáticos pelo Gato Fedorento. Ao longo dos posts aproveitamo-nos de expressões como : "O que tu queres sei eu", "Ah e tal" e outras mais.


Mas até os melhores têm falhas. Porque é que ninguém ainda gozou com a seguinte situação:


Gajos das obras. Passa uma gaja podre de boa (daquelas q o podre até cheira a milhas). Um deles vira-se e diz: "Anda cá ao pai, que eu ensino-te o que é bom!"


De certeza já ouviram coisas parecidas. Anda cá ao pai? Ao pai? Porque ninguém goza com isto? Terá a ver com pedofilia? Humm...Voltarei a este assunto (deveras interessante), talvez até neste outro blog.


Hugo

publicado por Phil às 15:48
link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2005 às 11:54
P/ Carriço: Brutal frase...tb nao a conhecia...This Never Ends
(http://neverendingstory.blogs.sapo.pt)
(mailto:fmbarreto@clix.pt)
De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2005 às 11:51
p/ Carriço: Eheheh, essa não conhecia.Hugo
(http://partirgelo.blogs.sapo.pt)
(mailto:partirgelo@hotmail.com)
De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2005 às 00:08
Eu cá gosto muito daquela «estória» em que o gajo da obra - vulgarmente conhecido por trolha - diz: "Chupava-te o que mais gostas!"
Sem tempo para respirar, ouve-se a resposta: "Então amanhã trago cá o meu marido, para lhe chupares a...."!

Hehehe!
AbraçoCarriço
(http://fragmagens.blog.simplesnet.pt)
(mailto:br@net.pt)
De Anónimo a 3 de Fevereiro de 2005 às 23:22
p/ This Never Ends: A própria palavra untar já encerra em si mesmo algo de ordinário, é fantástico.Hugo
(http://jamsession.blogs.sapo.pt)
(mailto:jamsession@hotmail.com)
De Anónimo a 3 de Fevereiro de 2005 às 23:21
p/ Jorge: Isto é Marketing! Não social, mas... blogal, ahahah :PHugo
(http://jamsession.blogs.sapo.pt)
(mailto:jamsession@hotmail.com)
De Anónimo a 3 de Fevereiro de 2005 às 21:46
E porquê a figura paterna? Teria alguma piada se fosse com o Pai Natal? Quanto ao continuares num outro blog, lembras-te de falarmos de uma nova linha editorial? :P heeh... sacana.Jorge
(http://sonhosurbanos.blogs.sapo.pt)
(mailto:thesandman@sapo.pt)
De Anónimo a 3 de Fevereiro de 2005 às 16:03
Não esquecer a ainda mítica frase "Anda cá ao Pai, que o Pai unta-te...!!!"...um clássico...uma verdadeira pérola...This Never Ends
(http://neverendingstory.blogs.sapo.pt)
(mailto:fmbarreto@clix.pt)

Comentar post