.Março 2005

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Parabéns a Você...Hoje é ...

. Um Homem também Chora...

. Ele anda por aí

. Arte Popular ou nem por i...

. 17 anos depois...

. E começou a Campanha...

. "Não Exite!!!!"

. Sondagem pós-debate

. Anda cá ao pai!

. Boatos...

.links

.arquivos

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds

Sexta-feira, 4 de Junho de 2004

Andar no "Ataque"...

Como se devem recordar, eu recomendei um livro intitulado "Nascido para Mandar".
Desta feita, vou destacar um excerto do Cap.6-O Ataque". De facto, a introdução deste capítulo, é no mínimo delicioso...Aqui fica o excerto:

"Ao intitular este capítulo de «O Ataque», mentes mais maldosas vão pensar que ele se refere à expressão «andar no ataque». Realmente, existem algumas profissões onde, por vezes, para se conseguir subir mais alto, é preciso andar no ataque. Na política, pelo contrário, isto é prejudicial. Portugal é um país muito pequeno, veja-se que entre o Parque Eduardo VII e a Penitenciária são apenas dois minutos a pé!
O Ataque, no contexto deste guia, significa somente superiorizarmo-nos aos nossos adversários nos vários pontos que são fulcrais para chegar ao Poder. Estar sempre mais à frente, ter a iniciativa do jogo.


Piéce de Resistance: "Portugal é um país muito pequeno, veja-se que entre o Parque Eduardo VII e a Penitenciária são apenas dois minutos a pé!"




Abraço
Filipe
publicado por Phil às 02:54
link do post | comentar | favorito
|